Casa das Fraldas - 155 mil fraldas produzidas em 2018

Casa das Fraldas

155 mil fraldas produzidas em 2018


 Em 10 anos, entidade produziu mais de 1,4 milhão de fraldas


   Ao longo do ano passado, a Fundação Casa das Fraldas São José, de Campo Mourão, confeccionou e distribuiu 155 mil fraldas geriátricas descartáveis. Toda a produção da entidade, que em 2018 completou 10 anos, é repassada a entidades não governamentais que utilizam o produto em larga escala. Também são atendidas centenas de moradores da cidade cadastrados depois de levantamento “in loco”, comprovadamente carentes, que necessitam diariamente de fralda.

   Os recursos financeiros para custear o projeto de responsabilidade social são oriundos de parcerias com a Justiça Federal e Estadual, entidades empresariais, clubes de serviços empresas e outras instituições. Eventos diversos também são realizados para arrecadar recursos, sobretudo para a aquisição das matérias primas necessárias para a confecção das fraldas. Já a mão-de-obra necessária para a fabricação é toda de voluntários que vão a Casa das Fraldas para colaborar com o projeto. São grupos de amigos, estudantes, grupos de idosos, membros de clubes de serviços, funcionários de empresas e órgãos públicos, integrantes de movimentos religiosos e sociais, etc.

    Foram produzidas, em média, quase 13 mil fraldas por mês em 2018. Hoje, a Casa das Fraldas de Campo Mourão – idealizada pela advogada e docente Marta Kaiser Leitner - é uma das maiores referências de programa de responsabilidade social desenvolvidos na cidade e tem servido de exemplo para o Paraná e para o Brasil. Mais de 20 cidades paranaenses já fundaram Casa das Fraldas, inspiradas no trabalho realizado em Campo Mourão. Também na Bahia - no Município de Eduardo Magalhães - já funciona uma Casa das Fraldas. Rotineiramente, os coordenadores da ação recebem pedidos de informações e visitas de pessoas e grupos interessados em implantar o projeto em suas cidades (inclusive de outros estados). O Rotary Londrina Aeroporto foi uma das mais recentes instituições a adotar o projeto.

   O fornecimento das fraldas gera grande economia para as entidades beneficiadas, algumas atendidas em 100 por cento da demanda, bem como para muitas famílias de baixa renda. Ao atender essa demanda dessas instituições, a Casa das Fraldas acaba ajudando também a viabilizar a reforma de instalações, ampliações, aquisição de equipamentos, ampliação da clientela atendida, implementação de novas ações e outras ações dessas entidades.

   Todos os meses, a Casa das Fraldas fornece o produto a cerca de 450 pessoas de Campo Mourão comprovadamente carentes, em situação de miserabilidade, devidamente cadastradas. A inclusão dos beneficiados é precedida de uma visita “in loco” para constatar a necessidade e a real situação de carência. A partir daí, a distribuição e o monitoramento tem o apoio da Pastoral da Saúde.

   E importante ressaltar que para o idoso ou uma pessoa acamada, por exemplo, a fralda descartável não é um simples produto de higiene. Para as pessoas carentes, atendidas pela ação, a fralda é ingrediente importantíssimo também para o resgate e manutenção da autoestima. Isso porque dificilmente teriam condições de comprar o produto.

Beneficiados

   O Lar dos Velhinhos Frederico Ozanam, o Hospital Santa Casa, a Apae e o Lar Dona Jacira são algumas das entidades locais beneficiadas com o repasse regular de fraldas.

   No dia 12 de julho de 2017 aconteceu a assembleia de constituição da Fundação Casa das Fraldas São José. A transformação do projeto de ação de responsabilidade social em fundação visou facilitar a captação de recursos financeiros, não apenas junto ao poder público, mas através de doações para abatimento em tributos.

   A instituição tem quatro sócios beneméritos: Associação Comercial e Industrial (Acicam), CIEs – Centro Educacional Integrado, Unimed/Regional de Campo Mourão e a Coamo Agroindustrial Cooperativa.